Aluno: Matheus Henrique Martins Ferreira

04/09/2011 19:58

Destinatário: Igor André da Silva Coelho -EF61 -CAOP

 

Ouro Preto, 10 de Agosto de 2011

Amigo Igor,

         Nessas férias aproveitei para passear em Belo Horizonte com os meus pais. Também joguei vídeo game com meus primos e amigos e nos domingos almocei com meus avós.

         Sempre gostei de participar do Festival de Inverno e nesse ano eu e meus pais selecionamos algumas atividades. Fomos ao cinema na seção de 17 horas e o que mais gostei foi o teatro de Dom Quixote, porque eu estava lendo o livro e fiquei muito interessado em saber o desfecho da história.

         Igor, eu escolhi dois livros para apresentar no trabalho de Literatura de Língua Portuguesa e gostaria que você os lesse quando tivesse oportunidade.

         O primeiro livro tem como título “Do outro lado tem segredo” da autora Ana Maria Machado. É a história de Benedito, um garoto que atendia pelo apelido de Bino. Era filho de pescador e gostava de admirar o mar. Bino era curioso e vivia perguntando para a sua avó o que tinha além do mar. E aos poucos esse garoto vai descobrindo a história de seus antepassados, os negros, que chegaram ao Brasil e sofreram com a escravidão. Na história, Bino descobre que a África é também um lugar de pessoas alegres, com tribos, reis, danças, cantos e muitas outras coisas, que foram trazidas para o nosso Brasil e que preservamos nos dias atuais. Na história também tem uma personagem que se chama Maria, ela é descendente de índios e junto com Bino vão descobrindo suas origens.

         Igor, você vai gostar muito de conhecer Bino,sua família seus amigos e Maria.

         O outro livro, tenho certeza que você vai gostar, porque  já falamos sobre ele na aula de História. É “Dom Quixote de La Mancha”, escrita por Miguel de Cervantes, adaptada e  traduzida por Ferreira Gullar .No começo da leitura, é preciso  ficar atento com as palavras desconhecidas, mas logo acostumamos  a usar sempre o dicionário. É a historia  de um fidalgo que gostava muito de ler livros de cavalaria e gastava todas as suas economias comprando livros. De tanto ler, ficou louco e imaginou ser um cavaleiro andante que defendia damas indefesas e pessoas que tivessem em situação difícil ou em perigo de morte .Dom Quixote de La Mancha, como gostava de ser chamado saiu de sua casa para procurar aventuras  com seu escudeiro Sancho Pança. Ele com seu cavalo  Rocinante  e seu escudeiro com seu asno. Em sua loucura, Dom Quixote vive muitas aventuras e a cada vitória que acredita vencer dedica a sua amada, Dulcinéia de Del Toboso.

         Igor vale à pena ler essa obra e se divertir com as aventuras desse cavaleiro andante que confunde a realidade com a fantasia.

        

 

                  Um abraço de seu amigo,

 

                           Matheus Henrique Martins Ferreira